terça-feira, 10 de agosto de 2010

PROCURA

A arte literária é consequência da própria vida, viver é a arte do inexplicável, das dúvidas e da esperança.

Aparecido Donizetti Hernandez


PROCURA
Valdir Merege Rodrigues





Na procura louca e apesar de dura
Encontrei você. Não sei por que,
Pensei ter sido o amor tão procurado!
Vão pensamento tolo derramado,
Esparramado sobre o solo da vida
De muitas e tantas procuras...

Pensei, imaginei ser o seu esperado,
Achado por tanto tempo sonhado.
Como assim eu fizera por vezes acordado
Em madrugadas frias na coexistência
Do ser e querer, ter e poder ser amado...
- Era só eu e mais ninguém!

Mas, a procura era única e só minha.
Inverti os fatos e as fotos da existência
Que vivemos revelaram-se amargo fel
E na fotografia tão fria da existência,
Compus o retrato abstrato do meu achado...
- Um terrível vazio!


Marcas Poéticas - direito autoral de Aparecido Donizetti Hernandez


------------

Lilian Regina de Andrade

Nenhum comentário:

Postar um comentário