sábado, 30 de julho de 2011

CHOVE QUE CHOVE

CHUVA QUE CHOVE
Lairton Trovão de Andrade


Na chuva que chove,
Renascem emoções
Com versos noturnos,
Em lindas canções,
Cantando na lida,
Ressurgem anseios,
Curando feridas,
Em mil devaneios,
No trato à semente,
Na vida da gente,
Que cresce no ser,
Que esparge no ter,
Chuva que chove,
Que diz: Eu sonhei,
Que diz: Eu amei,
E vivo a esperar
Alguém para amar,
Que sinta comigo
A chuva que cai,
A chuva que chove,
Que chove esperanças,
Que chove conquistas,
Que chove saudades,
Que chove ilusões,
Que chove desejos,
Desejos de amar
Um amor sem igual,
Um amor imparcial,
Um amor eternal .
Chuva que chove...

****

Nenhum comentário:

Postar um comentário