segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

RECORDAÇÃO... ETERNIZAÇÃO

RECORDAÇÃO... ETERNIZAÇÃO.
Aparecido Donizetti Hernandez


Quero desligar-me da matéria e espírito.
Meu eu está abalado, crise existencial...
Foge-me a força de resistir...
Resisto, sofro... Cedo sofro

Qual caminho aqui?
Difícil decisão!
Oh! Homem porque preferes sempre
Os caminhos mais difíceis?

Vem vindo a hora de acabar,
O homem do sonho, da vida.
Senti uma fraqueza, sorrio de amorosa!
Vem uma revolta: Se sofro!?

Grande matéria sem recursos, desmantelada.
Porém permanece um desejo mole.
Talvez me assombra o arrependimento.
O homem-da-vida afirma, Não.

Mas o homem-do-sonho dá um uno: NÃO!
Quero desligar-me da matéria e espírito.
Meu eu está abalado, crise existencial...
Foge-me a força de resistir...

Resisto, sofro... cedo sofro
Qual caminho aqui?
Difícil decisão!
Oh! Homem porque preferes sempre
Os caminhos mais difíceis?

Comentário de Rosangela Maria Zanin em agosto de 2009
http://lh6.ggpht.com/_Gyx6W1RHHjo/S0vPVJJO9_I/AAAAAAAAAIg/yK2HKlAv2Xk/s400/ln%5B2%5D.jpg
vc é muito sensível, percebeu muito além das minhas percepções, e devo concordar com sua interpretação, pois realmente existe muito claro nela uma grande dúvida existencial do ser humano "homem", e nessa luta o nascer e o desenvolver de recusas do existir, deixando claro assim uma guerra interna bem maior que a externa....Vc é muito sensível menina!!!! Obg pelas palavras, beijos de boa noite!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário