segunda-feira, 8 de agosto de 2011

PANTANEIRA

Pantaneira
Delasnieve Daspet
.
Vivo às margens das pradarias.
À beira dos rios,
Meu pequeno planeta é de pura água!
Àgua cristalina.
.
Moro à sombra das cachoeiras.
Cavernas lindas são meu habitat!
Ganho bom dia de lindos pássaros
Que caminham no azul do espaço!
.
A ararinha azul vive em meu quintal.
Lindas borboletas dardejam em meu jardim.
Se eu for ao cerrado com certeza
Verei as onças pintadas bebendo
Àgua nos corixos juntos
Dos veados e jacarés! .A minha lua,
Será sempre a mais bela,
Com seus raios prateados
Fulgurando nos rios,
Nas matas,
Nas cidades,
Sou pantaneira,
Canto a exuberância de minha terra!.
Sou um ser estranho,
Uma figura de mulher,
Que se debruça à janela de tu'alma
Esperando fazer chegar a ti
Meus sonhos!
Delasnieve Daspet - 17.10.2000


Nenhum comentário:

Postar um comentário